comentários posts

Brasil/Eleições

Corrida eleitoral começou nesta quinta com 13 candidatos à presidência

As eleições acontecem no dia 7 de outubro

Começou nesta quinta-feira (16), a propaganda eleitoral. Candidatos e eleitores que não respeitarem as regras estabelecidas pela Justiça Eleitoral, conforme resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), estarão sujeitos a multas e até a cassação do mandato, no caso dos eleitos.

Em 7 de outubro, os brasileiros vão às urnas escolher candidatos a presidente e vice-presidente da República, governador e vice-governador, senador, deputado federal e deputado estadual ou distrital. Onde houver segundo turno, a campanha nas ruas vai até 27 de outubro, na véspera da votação (28, domingo).  Veja o que é permitido aos candidatos e eleitores: Leia Mais

Compartilhar
Bahia/Política

Gualberto desiste da reeleição e complica situação de Zé Ronaldo

Gualberto admitiu ter cometido um erro ao se eleger deputado

O deputado federal João Gualberto, presidente do PSDB na Bahia, surpreendeu o mundo político ontem ao fazer o anúncio bombástico: desistiu de disputar a reeleição (ele chegou a registrar a candidatura). Ou, como disse o próprio, não se adaptou bem à vida parlamentar.

Gualberto diz que foi oito anos prefeito de Mata de São João e gostou. Decidiu mudar para Brasília e não gostou:

– Eu cometi um erro. Há muito vinha refletindo sobre desistir, mas a decisão é difícil, porque na política a gente cria laços afetivos, e isso me segurou. Mas concluí que não estou mais para isso. Vou me sentir bem  melhor cuidando dos meus negócios.

O espólio — Ele até topou integrar a chapa majoritária da oposição quando ACM Neto ainda era cogitado, como vice. Quando Neto desistiu, lançou-se candidato ao governo dizendo que seria vice de Neto, mas não de quem ele mandava. Acabou compondo com Zé Ronaldo.

No PSDB, muitos lamentos, mas surpresa nem tanto. Gualberto já vinha dando sinais da insatisfação com o parlamento. O partido, que tem nove candidatos a deputado federal, planejava eleger três, o próprio Gualberto, Antônio Imbassahy e o estadual Adolfo Viana. Leia Mais

Compartilhar
Polícia/Vitória da Conquista

Taxista de Vitória da Conquista é preso sob acusação de dopar e estuprar cliente em motel

Taxista teria dopado a cliente

Um taxista foi preso na manhã desta terça-feira (14), na frente do Aeroporto de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, suspeito de estuprar uma cliente. A identidade da vítima não foi revelada.

Segundo informações da delegada que investiga o caso, Iara Gardênia, o homem, de prenome Thiago, sedou a mulher e a levou para um motel da cidade, onde cometeu o abuso. O crime ocorreu há mais de uma semana.
De acordo com a delegada, o taxista foi preso por volta das 11h30, durante o expediente dele. Após ser ouvido pela polícia, Thiago foi encaminhado para o Presídio Nilton Gonçalves, em Vitória da Conquista.

Conforme a delegada Iara Gardênia, Thiago ofereceu água para a passageira, que estranhou a atitude e questionou o serviço. O taxista argumentou que ele queria melhorar o atendimento para competir com outros tipos de serviço por aplicativo. A vítima informou, em depoimento que a embalagem estava aparentemente intacta e aceitou. Leia Mais

Compartilhar
Luto/Vitória da Conquista

Morre Carlos Albuquerque, dono da Rádio Transamérica

Carlos Albuquerque tinha 68 anos

Morreu no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, o empresário e radialista Carlos Albuquerque de Almeida, proprietário da Rádio Transamérica de Vitória da Conquista. Vítima de câncer de pulmão, Albuquerque tinha 68 anos, era cantor e compositor. Ele deixa dois filhos.

O empresário chegou a Conquista em 1991, quando da implementação da Rádio 100,1 (Uma Conquista Musical). Posteriormente a emissora passou a ser denominada de Transamérica. Ele era filho do ex-deputado federal João Alves de Almeida.

Carlos Albuquerque morreu no dia 09 de agosto e seu corpo foi cremado na capital paulista. //Com informações do Blog do Rodrigo Ferraz

 

 

Compartilhar
Bahia/Saúde

Mais de 175 mil crianças são vacinadas contra sarampo e poliomielite nos primeiros dias da campanha

Campanha de vacinação é destinada a crianças de 1 a menores de 5 anos

A campanha de vacinação contra o sarampo e a poliomielite imunizou 175.877 crianças até por volta das 16h desta segunda-feira (13). Os dados são do Sistema do Programa Nacional de Imunizações (Sipni).

De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), o público-alvo da ação, tanto para polio como para sarampo, na Bahia, é de 849.361 crianças. A meta é vacinar 95% dessa população, ou seja, mais de 806 mil crianças, até o dia 31 de agosto.

O Dia D da campanha será 18 de agosto, o próximo sábado. Além da vacinação nos postos de saúde, haverá imunização em diversos pontos das zonas urbanas e rurais. Também haverá articulação com escolas e creches do território para realizar vacinação programada, unidades de saúde funcionarão em horários alternativos. Conforme a Sesab, também será realizada vacinação casa a casa, em feiras, shopping, praças e em outros locais de grande circulação de pessoas.

A ação começou oficialmente no dia 6 de agostos, mas, de acordo com a Sesab, 73 das 417 cidades baianas tiveram a vacinação contra sarampo intensificada desde o dia 20 de julho, por conta do risco de contaminação nesses locais.

Entre esses municípios, 11 têm risco muito alto, segundo a secretaria. São eles: Gandu, Ilhéus, Itamari, Santa Barbara, Irecê, Retirolândia, Santo Antônio de Jesus, Gongogi, Ribeira do Pombal, Ubaitaba e Itabuna.
Além disso, conforme a Sesab, outras 63 cidades estão com cobertura vacinal contra a poliomelite abaixo de 50% em crianças com menos de 1 ano, o que coloca o estado na lista dos que têm risco de volta da doença. Leia Mais

Compartilhar
Educação/Vitória da Conquista

Professores da rede municipal de Vitória da Conquista retornam às aulas nesta terça, 14

Decisão da categoria foi tomada em assembleia

Após assembleia na manhã dessa segunda-feira, 13 de agosto, a categoria, em votação, deliberou pela suspensão da greve dos profissionais da educação da rede municipal de ensino de Vitória da Conquista, retornando para suas atividades terça-feira, 14.

Segundo a categoria, a greve da educação não chegou ao fim, a suspensão evidencia o caráter provisório da deliberação de assembleia. A efetiva finalização da greve depende do cumprimento das demandas da categoria, que não pode e não irá aceitar o achatamento salarial, a quebra do plano de carreira e a permanência da desvalorização dos monitores escolares.

O Sindicato do Magistério informou que será mantido calendário de mobilizações e paralisações até que a Lei do Piso seja cumprida, através do repasse do FUNDEB de 6,81% nos dois níveis da carreira e aconteça a criação da Comissão de Desmembramento e construção do Plano de Carreira dos monitores escolares.

O SIMMP reafirmou seu compromisso com a valorização dos profissionais da educação. A suspensão da greve atende as determinações da assembleia, que deixa nítida sua disposição para a luta. Aguardamos as deliberações do Legislativo, conforme compromisso público firmado para criação de emenda ao projeto de lei enviado pelo Executivo, visando assim a garantia do cumprimento das demandas da categoria.

Compartilhar
Luto/Vitória da Conquista

Pintor morre eletrocutado em Vitória da Conquista após tocar em fiação elétrica

Ednaldo tinha 43 anos

Um homem morreu eletrocutado, no fim da manhã deste sábado (11), em Vitória da Conquista, sudoeste da Bahia, enquanto pintava a área externa de uma casa.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, Ednaldo Girardis Santos, de 43 anos, teria tocado a fiação elétrica com o rolo de pintura. O acidente ocorreu no bairro Bruno Bacelar.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi encaminhada ao local e tentou reanimar a vitima, mas ela não resistiu.

Leia Mais

Compartilhar
Transporte/Vitória da Conquista

Após 24 dias de retenção de ônibus em Vitória da Conquista, 80 mil usuários enfrentam dificuldades no transporte

Os ônibus da Vitória permanecem no pátio da empresa

Vinte e quatro dias após a retenção dos ônibus coletivos de Vitória da Conquista, sudoeste baiano, a crise no transporte público ainda não foi resolvida. Até esta sexta-feira (10), a frota segue reduzida e mais de 80 mil usuários do sistema estão prejudicados.

A principal queixa dos passageiros, além da demora entre a passagem de veículos, é que os ônibus acabam não parando nos pontos porque passam lotados.

A crise no transporte afeta também os mais de 500 funcionários da Viação Vitória, que estão com salários atrasados.

A Prefeitura informou nesta sexta-feira que a Cidade Verde ocupa 11 linhas que antes eram atribuídas à Viação Vitória, além das 25 linhas que sempre foram de responsabilidade da Cidade Verde.

Agora, o município negocia com a Viação Cidade Verde para que ela assuma temporariamente as linhas afetadas pela paralisação da Viação Vitória.

Os veículos foram retidos em inspeção surpresa na garagem da empresa Viação Vitória com pneus carecas, sinalização deficiente e tacógrafo em mau estado, entre outros. Dos 80 ônibus que operavam no sistema, 74 foram retidos na vistoria da prefeitura, no dia 17 de julho. Leia Mais

Compartilhar
Luto/Vitória da Conquista

Morre Edmar Vaz de Andrade, pastor da Igreja Bethel de Vitória da Conquista

Pastor Edmar tinha 69 anos, 39 deles na Bethel

Faleceu nesta sexta-feira (10),  no Hospital São Vicente, em Vitória da Conquista, aos 69 anos, o pastor da Igreja  Bethel, Edmar Vaz de Andrade. Ele estava internado há alguns dias, após lutar contra um câncer.

O velório acontece na própria Igreja Bethel, localizada na Avenida Siqueira Campos, em horário ainda a ser definido. O sepultamento será no domingo.

Pastor Edmar estava há 39 anos na igreja. Ele deixa esposa e dois filhos.

Amigos, parentes e membros da Igreja de várias partes do país se mobilizam para prestar a última homenagem ao pastor.

Compartilhar
Festival de Inverno Bahia/Vitória da Conquista

Festival de Inverno Bahia terá virada de preço: 2º lote termina dia 18

O FIB acontece nos dias 24, 25 e 26 de agosto, no Parque de Exposições Teopompo de Almeida

Quem não adquiriu as entradas para a 14ª edição do Festival de Inverno Bahia (FIB) tem até o dia 18 de agosto para aproveitar os preços do 2º lote. O FIB acontece nos dias 24, 25 e 26 de agosto, no Parque de Exposições Teopompo de Almeida. Os preços dos ingressos variam entre R$ 56,00 (pista meia) e R$ 255,00 (para o Camarote Open Prime).

Vale a pena aproveitar as vantagens. Os clientes Caixa têm 50% de desconto sobre o valor do ingresso de pista inteira. Está liberada a compra de um ingresso por dia por cartão e é necessário apresentar qualquer documento oficial com foto na hora da compra e o cartão da Caixa.

Já servidores públicos e professores têm 45% de desconto nos ingressos individuais de pista. A promoção é válida para professores e funcionários federais, estaduais e municipais. Esta venda com desconto é feita exclusivamente na Loja Oficial no Boulevard Shopping e na Taco, além de estar limitada a dois ingressos por dia por pessoa. É necessário apresentar crachá ou contracheque e documento original com foto.

Em ambos os casos, é cobrada uma taxa de serviço de 8% sobre o valor do ingresso, exceto nas compras feitas na Loja Oficial no Boulevard Shopping e na Loja Taco. As entradas podem ser adquiridas em dinheiro, cartão de débito e/ou crédito em 6x sem juros nos cartões.

Checklist da alegria – Com a proximidade de um dos maiores festivais de música do Norte/Nordeste é hora de dar aquela checada nas atrações e começar a organizar a curtição. Na primeira noite de FIB, 24, sobem ao Palco Principal Fábio Jr, Biquini Cavadão e Luan Santana. No sábado, 25, Anavitória, Paulo Miklos, Lulu Santos e Pitty garantem animação e diversidade. Fecham o FIB no domingo, 26, Roupa Nova, Capital Inicial e Alok – uma mistura insólita que promete embalar corações e corpos nas pistas.

Acabou? Claro que não. Os palcos da Vila da Música e da Arena Eletro Rock vêm com tudo com atrações de peso. Na Vila da Música se apresentam na sexta, 24, Chega Mais, Chris Pimenta, Dan Valente e Homens de Cabaré. Já no sábado, 25, é a vez de Mania de Xote, Cainã Araújo, Seu Maxixe e Forró do Tico. E no domingo, 26, fecham a grade Vitor Luna, Vitor Mariá, Pra Casar e Rony Barbosa.  Leia Mais

Compartilhar
Brasil/Saúde

Aumento da obesidade infantil pode significar mais pacientes com insuficiência renal no futuro

Ministério da Saúde estima que 33% das crianças brasileiras entre 5 a 9 anos estejam acima do peso

A preocupação da Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN) diz respeito aos dados divulgados à imprensa pela Organização Mundial de Saúde (OMS), apontando que o número de crianças e adolescentes acima do peso entre 5 e 19 anos chega a 124 milhões. “Trata-se de uma epidemia, tendo como agravante a grande possibilidade de que mantenham o sobrepeso ou a obesidade quando chegarem à idade adulta”, afirma o diretor científico da SBN, Marcelo Mazza.

No Brasil, a estimativa do Ministério da Saúde é de que 33% das crianças brasileiras entre 5 a 9 anos estejam acima do peso. De acordo com o nefrologista, a obesidade traz complicações sérias para os rins, como o diabetes e a hipertensão, que danificam os órgãos e abrem as portas para a doença renal crônica. “A obesidade é um fator de risco já estabelecido para o desenvolvimento da doença renal, não só como um fator isolado, mas por, na maioria das vezes, estar acompanhado de hipertensão arterial e do diabetes”, explica Mazza.

O médico ressalta que, além do fator genético, na maioria dos casos a falta de atividade física e da alimentação desregrada e hipercalórica são os principais fatores que levam as crianças à obesidade, por isso é fundamental uma mudança de hábitos para evitar o aparecimento de doenças graves como a renal crônica. “Isso precisa envolver toda a família e a toda a sociedade, pois as crianças são influenciadas por elas na escolha do estilo de vida”. Leia Mais

Compartilhar
Bahia/Política

Prefeitos de 26 prefeituras baianas são investigados por comprarem prêmios de melhores do Brasil

As honrarias foram pelas empresas União Brasileira de Divulgação (UBD), de Pernambuco, e Instituto Tiradentes, de Minas Gerais

Vinte e seis prefeitos baianos compraram prêmios de melhores gestores do Brasil, segundo apuração do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). As honrarias foram pelas empresas União Brasileira de Divulgação (UBD), de Pernambuco, e Instituto Tiradentes, de Minas Gerais.

Segundo o levantamento do TCM, entre os anos de 2017 e 2018, diplomas e medalhas custaram aos cofres municipais cerca de R$ 92,9 mil. O esquema foi identificado também em 30 câmaras municipais da Bahia.

O TCM iniciou uma investigação contra prefeitos e vereadores por conta das irregularidades. A Corte vai pedir a devolução aos cofres públicos os recursos gastos com a taxa de inscrição para a “cerimônia de entrega da honraria”, assim como os valores gastos de recursos públicos com diárias, hospedagem e transporte para o local do evento.

Pelo esquema, prefeitos e vereadores usavam dinheiro público para participar de seminários e recebiam a premiação. Leia Mais

Compartilhar
Polícia/Vitória da Conquista

Marido da jovem que abandonou bebê em guarda-roupas diz que não sabia da gravidez

Bebê ficou durante quatro horas dentro do guarda-roupa

O marido da jovem de 22 anos que abandonou uma recém-nascida dentro de um guarda-roupas, após dar à luz, no bairro de Nova Cidade, na cidade de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, desconhecia a gravidez da esposa.
Marcos de Jesus, que é pai das outras duas filhas da jovem – uma de uma de 5 anos e outra de 10 meses – , disse que não havia sido informado do estado da mulher. “Ela não falou que estava grávida, não”, disse.

A jovem e o bebê seguem internadas no Hospital Municipal Esaú Matos, em Vitória da Conquista, e têm estado de saúde estável. Na unidade, a criança, que está sob responsabilidade do Conselho Tutelar, ganhou o nome de Sofia.

Familiares da mulher foram conduzidos para a delegacia e prestaram depoimento nesta terça-feira (7). A família informou que a jovem justificou que abandonou o bebê porque sonhava em ter um menino. Ela deu à luz sozinha na tarde de segunda-feira (6) e escondeu a criança no guarda-roupas, na da casa da bisavó.

A criança foi encontrada à noite, quatro horas depois de nascer, pela idosa, que ouviu o choro do recém-nascido, abafado pelo armário. Assim que localizou a criança, a idosa chamou a polícia. Os agentes, por sua vez, acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que encaminharam o bebê ao hospital.

A mãe da recém-nascida foi localizada pela polícia na casa de um vizinho momentos depois do resgate da criança. A mulher, inicialmente, negou que o bebê fosse dela. Somente quando foi levada ao hospital para passar por procedimentos pós-parto, ela confirmou que é mãe da menina. Leia Mais

Compartilhar
Sem categoria

Seca e enxurradas afetam municípios na Bahia

Vários municípios já recorreram à Defesa Civil para tentar amenizar os transtornos provocados pela seca

Um total de 182 municípios baianos está em situação de emergência reconhecida pelo governo do estado por causa da seca, e cinco por motivo de enxurradas. No final da semana passada o Diário Oficial do Estado trouxe notícia que pode amenizar a situação difícil enfrentada pelas cidades de Planaltino, no centro-sul, e Itabuna, no sul do estado, que também passaram a integrar a lista de cidades baianas nesta complicada realidade.

No município de Planaltino, a falta de chuvas afeta as atividades econômicas, e quem sofre, sobretudo, é a população rural, que precisa ser abastecida com carros-pipa. Já em Itabuna, as enchentes atingem a economia e a população da região. Casas inundadas e apresentando rachaduras deixam famílias desabrigadas. E o pior, as prefeituras já não dispõem de recursos financeiros para amenizar os efeitos da estiagem e das enchentes. Leia Mais

Compartilhar
Brasil/Empregos

Pessoas de mais idade encontram dificuldades para se manter no mercado de trabalho

A inserção do idoso ao mercado de trabalho é cada vez mais difícil

Um dado a se comemorar: a expectativa de vida do brasileiro vem subindo. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), atualmente, os brasileiros vivem, em média, 75 anos e 8 meses. Mais saudáveis e dispostas, as pessoas com mais idade enfrentam ainda resistência para permanecer ou mesmo reingressar ao mercado de trabalho.

Na maioria dos casos, pessoas com faixa de idade avançada sofrem preconceito ao procurar trabalho. Outro empecilho é conseguir um salário compatível com sua experiência profissional. De acordo com informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) divulgados no primeiro semestre de 2018, a faixa etária de 30 a 65 anos ou mais está com saldo negativo, o que significa que existem mais pessoas desligadas as empresas do que admitidas. E quanto maior a idade, maior o saldo negativo. Entre a faixa etária de 30 a 39 anos isso representou 3,6%, já para 40 a 49 anos alcançou 12,6%. A maior alta foi para as idades entre 50 a 64 anos que alcançou a porcentagem de 67,7%. Para os brasileiros com 65 anos ou mais representou 16,1%.

A administradora Ivanice Santos, 37 anos, se encontra na faixa etária em que o CAGED aponta 3,6% de pessoas fora do cenário profissional. Há mais de um ano ela procura por um trabalho de carteira assinada. “Apesar de ser relativamente nova, na hora de uma entrevista de emprego não venho tendo sucesso. Já percebi que pessoas mais jovens têm mais oportunidades”, comenta. Leia Mais

Compartilhar
Brasil/Educação

Estudo aponta que três em cada 10 brasileiros são analfabetos funcionais

A taxa analfabetismo calculada pelo IBGE, por exemplo, mostra estagnação do analfabetismo absoluto no País

Os preços das ervas, temperos, cebolas e limões na barraca da feirante Onorina Quixobeira da Silva, de 62 anos, são redondinhos: R$ 1, R$ 2, R$ 3, e por aí vai. Nada de centavos. Quanto menos números, melhor. É contando nos dedos que sai o troco do freguês. Só assim ela consegue identificar o que está nas cédulas e fazer a venda correta. “Muitas vezes me atrapalho e tenho de começar a contar de novo”, conta ela.

Três em cada dez jovens e adultos de 15 a 64 anos no País – 29% do total, o equivalente a cerca de 38 milhões de pessoas – são considerados analfabetos funcionais. Esse grupo têm muita dificuldade de entender e se expressar por meio de letras e números em situações cotidianas, como fazer contas de uma pequena compra ou identificar as principais informações em um cartaz de vacinação. Há dez anos, a taxa de brasileiros nessa situação está estagnada, como mostram os dados do Indicador do Alfabetismo Funcional (Inaf) 2018.

O estudo, feito pelo Ibope Inteligência, é desenvolvido pela ONG Ação Educativa e pelo Instituto Paulo Montenegro. Nessa faixa de 29% de brasileiros classificados nos níveis mais baixos de proficiência em leitura e escrita, há 8% de analfabetos absolutos (quem não consegue ler palavras e frases). Os outros 21% estão no nível considerado rudimentar (não localizam informações em um calendário, por exemplo).

Em 2009, 27% dos brasileiros eram considerados analfabetos funcionais – o índice se repetiu em 2011 e 2015, últimos anos em que o Inaf foi divulgado. Apesar do pequeno aumento no período (de 27% para 29%), estatisticamente o movimento é de estabilidade, segundo os autores do estudo, uma vez que a margem de erro da pesquisa é de 2 pontos porcentuais. Para o trabalho, foram entrevistadas 2.002 pessoas entre 15 e 64 anos, de zonas urbanas e rurais, distribuídas proporcionalmente em todas as regiões do País.

Diferentemente de outras pesquisas que medem o analfabetismo, a equipe do Inaf faz entrevistas domiciliares e aplica um teste específico, com questões que envolvem a leitura e interpretação de textos do cotidiano (bilhetes, notícias, gráficos, mapas, anúncios, etc) e classifica a habilidade em cinco níveis de proficiência.

A taxa analfabetismo calculada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por exemplo, mostra estagnação do analfabetismo absoluto no País, com 7% das pessoas (11, 5 milhões) acima de 15 anos sem saber ler ou escrever. Leia Mais

Compartilhar
Brasil/Economia

Prêmios de loterias esquecidos somam R$ 150,3 milhões no 1º semestre

Muitos apostadores não conferem os resultados dos jogos

Nem sempre quem ganha na loteria retira o prêmio. É o que mostra o último balanço da Caixa Econômica referente ao 1º semestre deste ano. No total, deixaram de ser resgatados R$ 150,3 milhões de janeiro a junho em prêmios pelas Loterias Caixa.

Somados, os valores não retirados só em primeiros semestres nos últimos 5 anos pelos ganhadores da Mega-Sena, Lotofácil, Quina, Lotomania, Timemania, Dupla Sena, Loteca, Lotogol e Federal chegaram a R$ 740,25 milhões.

Em todo o ano passado, R$ 326 milhões deixaram de ser resgatados, valor equivale a cerca de 8% dos mais de R$ 4,2 bilhões ofertados em prêmios pelas Loterias Caixa em 2017. Nos últimos 5 anos, os valores não retirados somam R$ 1,51 bilhão.

Prazo é de 90 dias para retirada

Os ganhadores de qualquer um dos sorteios da Caixa têm até 90 dias após a data do sorteio para retirar o valor do prêmio.

O dinheiro dos prêmios prescritos (não resgatados no prazo) é repassado integralmente ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). O programa oferece créditos para estudantes cursarem o ensino superior em universidades privadas.

O banco explica que o sistema soma os valores não reclamados e, no mês seguinte à prescrição, repassa esse dinheiro ao Fies. Por isso, a Caixa não dispõe de detalhamento de valores dos prêmios não resgatados por modalidade de loteria ou faixa de valor, já que não há como realizar uma consulta estruturada por premiação. Mas a maioria se refere a valores entre as faixas de menores premiações de cada modalidade.  Leia Mais

Compartilhar
Página 7 de 471« Primeira...56789...203040...Última »