Bia

Últimas Noticias

POLITICA

Morre bailarino de clipe ‘Vai malandra’, de Anitta, aos 28 anos

Morreu na última segunda, dia 9, o dançarino Rodrigo Motta, de 28 anos, que ficou conhecido por participar do clipe “Vai malandra”, de Anitta. A família confirmou a morte, mas ainda não divulgou informações sobre o velório. Rodrigo, que também era bartender no Bar da Laje, do Vidigal, foi assassinado. Um morador da região, que não quis se identificar, relatou uma briga. Procurada, a Polícia Militar disse não ter ainda informações sobre o caso.

“É com enorme pesar que venho informar o falecimento do meu irmão hoje pela manhã. Logo informarei o dia e horário do velório para as últimas homenagens”, escreveu Márcio Motta, irmão do modelo.

Morador da comunidade do Vidigal, que não quis se identificar, disse que Rodrigo teria se envolvido em uma briga na semana passada e que a morte teria sido motivada pela revanche. O bartender teria levado um tiro no pé e na perna, seguido de agressões. Levado para o hospital, Rodrigo não resistiu.

Procurada, a Secretaria municipal de Saúde do Rio confirmou que Rodrigo deu entrada no hospital na última segunda-feira, dia 9, foi atendido, mas não resistiu.

No trabalho com a “Poderosa”, Rodrigo aparecia passando óleo em mulheres, que usavam biquínis de fita isolante, e ele foi elogiado pelo corpo malhado. Depois da participação, o dançarino viu propostas de trabalhos como modelo aumentarem: “Está bombando, mas sigo trabalhando no Bar da Laje”, disse ao EXTRA, na época.

Erika Bronze, que estreitou laços com Rodrigo durante as gravações do clipe, ficou abalada com a notícia:

— Essa notícia me deixou muito triste. O Rodrigo era um menino trabalhador, cheio de vida e sonhos, ele sempre corria atrás das coisas dele, trabalhava de barmen, trabalhava na praia… Na última vez que o vi, estávamos no quiosque, ele lá ralando, focado… É muito triste. Vai ficar na memória o que vivemos no dia da gravação. Rodrigo conquistou o coração de todo mundo — diz a empresária.

Nas redes sociais, amigos prestaram homenagens ao modelo.

“Meu maninho, não estou acreditando que nunca mais poderei te abraçar. Não era para ser assim. Você respirava alegria, felicidade, sempre fomos fortes e juntos no melhor e na pior. Você foi um irmão que a vida me deu de gaça. E hoje você se foi, mas o seu sorriso vai ficar em nossos corações para sempre. Ainda ontem comentou na foto que eu postei falando que me amava e nem deu tempo de eu responder antes de terem tirado sua vida. Que dor, que ódio”, escreveu o MC Francês.

(mais…)

POLITICA

Sonia Abrão pode deixar a RedeTV! em 2020

Se depender de Sonia Abrão, o 2020 poderá ser bem diferente. A coluna soube que a apresentadora do ‘A Tarde É Sua’ está negociando com outras duas emissoras a sua saída da RedeTV!. Caso a mudança realmente ocorra, nenhum colaborador de Sonia ficará para trás. Felipeh Campos, Vladimir Alves e Thiago Rocha seguem com ela.

(mais…)

POLITICA

‘Fui espancado com um taco de beisebol’, diz jovem que acusa militares de tortura

Após passar 467 dias preso por um crime que não cometeu, o mototaxista, de 27 anos, deixou o Complexo Penitenciário de Gericinó no último sábado. Ele é um dos dez homens que denunciaram à Justiça terem sido torturados num quartel do Exército na Zona Oeste do Rio. As agressões aconteceram após o grupo ser detido por militares numa megaoperação no Complexo da Penha em 20 de agosto de 2018. No último dia 29, um ano e três meses depois, o mototaxista e outros dois presos foram absolvidos: segundo a sentença, as agressões foram atestadas por exames periciais e não ficaram comprovadas as acusações dos militares de que os detidos estavam com drogas. Quatro dias após ser solto, o jovem deu detalhes da sessão de tortura numa entrevista de duas horas ao EXTRA na praça de alimentação de um shopping na Zona Norte do Rio. Em meio a crises de tosse, que não pararam desde a temporada na prisão, ele afirmou que foi agredido com um taco de beisebol dentro de uma sala iluminada com luz vermelha no quartel, enquanto militares à paisana perguntavam onde havia fuzis escondidos na favela.

Como e por que você foi preso naquela madrugada?

Eu estava numa festa com amigos numa casa, depois fui para um pagode no Campo de Ordem. A operação começou e, como estava de moto, comecei a levar as pessoas em casa. Uma menina que morava longe me pediu para eu levá-la em casa e nós fomos. Ela morava próximo a uma área de mata. Quando cheguei lá, ela desceu da moto. Já estava voltando e bati de frente com o jipe do Exército. Nessa hora, como estava sem capacete, me escondi. Eles me viram, me abordaram e me levaram para o mato.

As agressões começaram já na favela?

Logo que me encontraram, colocaram um lacre de plástico nas minhas mãos e passaram a perguntar “cadê a pistola?”. Disse que não tinha pistola. Aí começou a sessão de tortura, com socos e chutes. Não sei quantos eram. Me colocaram deitado com a cara para o chão molhado, perto de uma caixa d’água. Tentei olhar para o alto e deram um tiro com bala de borracha na minha testa.

O jovem foi fotografado no diada audiência de custódia

Por que você foi acusado de estar com outros dois homens? Você já os conhecia?

Nunca tinha visto nenhum dos dois. Eles não moravam na favela, só estavam lá naquele momento. Cada um foi abordado num ponto diferente. Depois, eles dois foram levados para perto de mim.

E a droga que os militares disseram que estava com vocês? Como ela apareceu?

Um dos outros detidos estava com uma mochila. Os militares abriram e viram que só tinha roupas. Ele não morava na Penha e trouxe roupas para passar a noite na casa de um amigo. Ficaram dizendo que ele era traficante porque tinha roupa de marca. Um dos militares pegou a mochila e a vestiu. Ele nunca mais viu essa mochila. Outra, maior, que já estava com eles, foi colocada no lugar. Essa estava cheia de drogas e munição. Falaram que nós estávamos com ela. Não foi só a mochila dele que foi roubada: eu estava com um relógio, um cordão e um celular. Tudo foi roubado pelos militares.

O mototaxista foi atingido por dois tiros de bala de borracha

Você passou por um exame médico para detectar lesões no Exército. Como foi feito esse exame?

Sim, antes de ir para o quartel fui levado a um médico militar. Antes de eu entrar na sala do médico, um militar que participou da sessão de tortura me falou: “Diz que você bateu com a cara na pedra”. Estava com uma marca enorme na testa por causa do tiro de borracha. Quando entrei na sala para ser examinado, ele entrou comigo! Ficou o tempo todo ali, fardado, escutando tudo o que eu ia dizer. O médico perguntou se eu estava machucado quando fui preso. Disse que não. Mas não falei mais nada.

Quando vocês foram levados para a 1ª Divisão de Exército?

Só chegamos às 20h da noite, muito depois da prisão. Fomos levados, um por um, para sermos torturados. Eu fui o último. Me conduziram para uma sala no alto de uma rampa. Quando entrei, tinha uma luz vermelha ligada. Ali, tinham seis militares à paisana. Todos eram mais velhos, cabelo grisalho, tinha um já careca. Não eram os mesmos que me prenderam.

Você poderia detalhar como foi a sessão de tortura na sala?

Um ficava no computador, com um mapa da favela aberto. Fui colocado numa cadeira, algemado. Começaram perguntando onde o tráfico esconde os fuzis. Diziam que queriam me ajudar, que se eu apontasse podiam me ajudar. Cada vez que eu dizia que não sabia, me batiam. Na primeira pancada, no peito, já desmaiei e me deram água para acordar. Usavam um taco de beisebol, de madeira lisa, grossa e uma vara, mais fina. Dois me batiam, os outros faziam perguntas, me provocavam, diziam para baterem mais. Fiquei duas horas lá dentro.

Como foi o período na cadeia?

Passei quatro meses no presídio de Água Santa. Foi lá que tive tratamento médico. Foram os presos que me atenderam. Passaram pomada e fizeram curativo. Em Bangu, fiquei numa cela com 240 presos e só 75 camas. Em cada cama de solteiro dormiam dois espremidos e ainda tinha gente que dormia no chão. Tem que ter psicológico forte para aguentar. Se não souber levar, você fica doido.

Quais são seus planos para o futuro?

Nunca ia imaginar que ia ficar um ano preso. Aquela mochila não era minha. Achava que tudo ia se resolver rápido. Agora que eu saí, ainda estou desorientado, a ficha não caiu. Nem saí de casa direito. Mas vou voltar a trabalhar. Vou refazer habilitação, que venceu, e voltar a trabalhar na moto.

//extra

POLITICA

SABRINA SATO E DUDA NAGLE COMEMORAM 1 ANO DE ZOE

Sabrina Sato e Duda Nagle organizaram uma megafesta de 1 aninho da filha, Zoe. A comemoração, organizada pela irmã de Sabrina, Karina Sato, contou com tema dos Ursinhos Carinhosos e agitou a tarde deste sábado (7).Como sempre, a menina apareceu com um look fashion, ao lado dos papais famosos. Sempre simpática, a família posou para os fotógrafos na porta do Clube Nacional, onde ocorreu a festa. (mais…)

POLITICA

Sicoob Crediconquista inaugura mais um agência na Av.Olivia Flores

A Sicoob Crediconquista acaba de abrir a sua quarta agência em Vitória da Conquista. Na noite desta sexta-feira (6), autoridades públicas, associados e representantes de instituições financeiras prestigiaram a cerimônia de inauguração da nova sede, que está localizada em uma das avenidas mais importantes da cidade, a Olívia Flores.

O prefeito Herzem Gusmão felicitou a instituição por mais um importante avanço. “Parabenizar a Sicoob e o cooperativismo que vem crescendo, vem avançando, e isso significa poupança interna. Nenhuma nação cresce, avança, sem a poupança interna. E aqui são os sócios, as pessoas que depositam, são os donos. Eu recebi a notícia agora de que está chegando a quase 100 milhões de reais a movimentação do Sicoob aqui em Vitória da Conquista”, comemorou.

Além disso, o prefeito também observou a escolha da localização da nova unidade – uma avenida que vem sendo totalmente revitalizada pela Prefeitura. “A belíssima avenida Olívia Flores recebe uma belíssima agência, um casamento perfeito. E, portanto, nós entendemos que Vitória da Conquista vem surpreendendo com essa força, essa poupança. Esses 100 milhões é a resposta de uma cidade abençoada”, conclui.

Com essa inauguração, a Sicoob passa a contar com quatro unidades em Vitória da Conquista. Além disso, a cooperativa também tem uma sede em Itapetinga e outra em Poções. No total, são cerca de 5 mil associados, em um trabalho que gera, aproximadamente, 70 empregos.

O presidente da instituição, Valeriano Almeida, celebra o avanço: “Para quem começou do zero – eu diria, um zero à esquerda, porque começamos sem credibilidade nenhuma – e hoje estamos ocupando um espaço significativo na cidade, a gente só tem que agradecer.” Além disso, ele destaca o ponto forte da cooperativa: “É o melhor equipamento para distribuição de rendas, porque tudo que gera fica aqui pro associado. O que essa cooperativa gera ao final do ano, no balancete, será distribuído para os associados. Então fica na cidade, não sai da cidade.”

O secretário municipal de Finanças, Jonas Sala, também é conselheiro da Sicoob. Para ele, a cooperativa é um agente fomentador do crescimento do município: “Uma empresa do sistema financeiro significa um impulso ao desenvolvimento do comércio e serviços da cidade.”

POLITICA

Processo do filho de Flordelis fica parado aguardando deputada marcar data de depoimento

O processo da morte do pastor Anderson do Carmo no qual é réu Flávio dos Santos Rodrigues, um dos filhos da deputada federal Flordelis dos Santos (PSD), está parado há mais de um mês. Já foram ouvidas todas as testemunhas do caso e produzidas as provas necessárias, só restando pendente o depoimento da parlamentar. Flordelis usou sua prerrogativa de deputada e pediu para ser ouvida em Brasília, onde também possui residência. No início do mês passado, ela recebeu uma intimação da Justiça do Distrito Federal solicitando que indique o dia e horário que deseja prestar depoimento. Até sexta-feira, a deputada não havia se manifestado. (mais…)

POLITICA

Anitta grava clipe secreto com MC Cabelinho no Rio

Anitta bem que tentou esconder a sete chaves sua participação na gravação do clipe de mais um sucesso do MC Cabelinho, ontem à tarde, na Ilha da Gigóia, na Barra da Tijuca, no Rio. Só que não deu. Assim que a funkeira apareceu na entrada do restaurante famoso do lugar, o ‘Terra Firme’, foi descoberto que o motivo da proibição de circulação de pessoas no deck e até mesmo de funcionários do espaço, tinha a ver com a presença de cantora. Anitta e MC Cabelinho gravaram várias cenas e ainda circularam de barco pela ilha, já que é o único meio de transporte que dá acesso ao local.

(mais…)

POLITICA

Vitória da Conquista: homem é preso por exercício ilegal da profissão de advogado

Um homem de 27 anos foi preso ontem (5), em Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, por exercício ilegal da profissão de advogado.

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no município informou que ficou ciente da atuação do suspeito após receber denúncia sobre suposto exercício irregular da profissão, através de ações de panfletagens e mala direta na cidade. A divulgação dos serviços era direcionada aos aposentados e pensionistas do INSS, voltada a orientações jurídicas no âmbito do Direito Previdenciário. Ele foi flagrado prestando atendimento jurídico previdenciário em um escritório da cidade.

A Polícia Militar participou da ação junto aos representantes da OAB. No escritório, quando os agentes pediram a carteira profissional, o homem, identificado como Victor Jeronimo Barros Dias Guimarães, negou ser advogado e confessou apenas a consultoria jurídica. Do ponto de vista legal, a prática constitui o exercício ilegal da profissão.

Com residência fixa em São Bernardo do Campo, em São Paulo, o suspeito já havia atendido em Porto Seguro, cidade do sul da Bahia, e planejava atender em Salvador e Camaçari, na região metropolitana, ainda nesta semana. Ele foi encaminhado para o Distrito Integrado de Segurança Pública (DISEP), onde está à disposição da Justiça.

//metro1

POLITICA

Deputado denuncia Ludmilla pela música “Verdinha” e cantora rebate: “É sobre alface”

 

Ludmilla lançou seu novo single intitulado “Verdinha” na última sexta-feira (29). A música gerou polêmica nas redes sociais por sua composição, que fala sobre maconha.

Mas tem político que não ficou muito satisfeito com a música. O deputado federal do PSL Cabo Junio Amaral acionou a Polícia Federal, solicitando uma investigação contra Ludmilla por uma suposta apologia às drogas.

Ludmilla se pronunciou sobre a denúncia via Twitter:

OUÇA VERDINHA 🥬

@Ludmilla

Milhões de brasileiros, desempregados, sem moradia, hospitais sem vagas, a violência predominate, poluição a questão ambiental, a rede pública de educação miserável, mas o maior problema que o Brasil tem no momento é uma música que fala de alface😹 brinca mais que a brincadeira. https://twitter.com/proposicoes/status/1202333089289998337 

Proposições que vão mudar sua vida@proposicoes

REQ 179/2019 CSPCCO

Ementa: Requer a aprovação de moção de repúdio contra a cantora Ludmilla, em razão da música “Verdinha”, em que se faz clara apologia à prática de condutas criminosas, como o plantio, a venda e o consumo de drogas.

Autor: Junio Amaral (PSL/MG)#proposicoes

Ver imagem no Twitter
14,5 mil pessoas estão falando sobre isso

Embora metaforize a droga, a cantora não cita o nome dela em nenhum momento na canção, tão pouco no material de divulgação do novo trabalho.

No requerimento 179/2019 CSPCCO, consta a seguinte Emenda do deputado: “Requer a aprovação de moção de repúdio contra a cantora Ludmilla, em razão da música “Verdinha”, em que se faz clara apologia à prática de condutas criminosas, como o plantio, a venda e o consumo de drogas.”

Será que o processo vai pra frente?

Ouça a música:

(mais…)

POLITICA

Pabllo Vittar participa do ‘De Férias Com o Ex’

Rio – De quem será o próximo ex? De acordo com a MTV, a próxima celebridade a dar o ar da graça no reality será nada mais, nada menos que Pabllo Vittar.

Galeria de Fotos

 

O anúncio foi feito nas redes sociais do programa. A cantora estará no 11º episódio, que será exibido na próxima quinta-feira (12).
Assim como o cantor Vitor Kley, Pabllo fará um pocket show para os participantes do reality show no litoral de Trancosco, na Bahia.

(mais…)

POLITICA

MULHER MOSTRA JACARÉ, EX-DANÇARINO DO É O TCHAN, COM UNIFORME DE POLICIAL NO CANADÁ

Vivendo no Canadá desde 2016, Edson Cardoso, o ex-dançarino Jacaré do grupo É o tchan, reapareceu nesta sexta-feira num registro publicado pela mulher, Gabriela Mesquita. Na foto, o eterno dançarino baiano aparece vestido de policial e na rua. “Um cara que estou pegando”, escreveu ela na legenda.

Ao EXTRA, Gabriela explicou que o uniforme trata-se de uma caracterização de Jacaré para um personagem que ele interpretou num filme americano, rodado lá, em inglês.

“Ele ainda trabalha como ator. E essa foi uma cena que ele fez. Achei tão perfeita a caracterização que fiz essa brincadeira”, disse a mulher de Jacaré, afirmando não saber o nome da produção que ele atuou. Ela conta que o marido já fez muitas séries, filmes e comerciais no Canadá.

Assim que chegou ao Canadá, Jacaré começou a trabalhar como garoto-propaganda de numa agência de imigração, ajudando brasileiros que têm vontade de morar no exterior. Já a mulher dele se formou no início deste ano no curso de Gestão de Financeira.

Mulher mostra ex-Jacaré do É o Tchan com uniforme de polícia no Canadá

Mulher mostra ex-Jacaré do É o Tchan com uniforme de polícia no Canadá Foto: Reprodução/Instagram

Eles vivem no país com os dois filhos do casal, de 7 e 4 anos. O ex-dançarino, que integrou o elenco da “Turma do Didi” na década de 2000, hoje está com 47 anos.

Jacaré com a mulher e os filhos no Canadá

Jacaré com a mulher e os filhos no Canadá Foto: Reprodução/Instagram

Jacaré com a mulher e o filho, quando ainda moravam no Rio
Jacaré com a antiga formação do grupo 'É o tchan'
Jacare integrou o elenco de 'A turma do Didi'

(mais…)

POLITICA

Atuv realiza cadastro de biometria facial para usuários isentos da tarifa do transporte coletivo

A Associação das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Vitória da Conquista (Atuv) realiza cadastro de biometria facial dos idosos beneficiários da isenção da tarifa do transporte coletivo. A iniciativa tem como objetivo proporcionar maior segurança para esses passageiros, evitando o uso indevido do Bilhete Eletrônico Municipal (BEM), por meio de empréstimo ou comercialização. (mais…)