2 de agosto de 2018 às 20:29

Dois milhões de baianos vão receber antecipação do 13º salário em agosto

O depósito da gratificação será realizado na folha mensal de pagamentos do INSS, conforme a tabela de pagamentos de benefícios 2018

Os aposentados e pensionistas de todo o país entre os dias 27 de agosto e 10 de setembro, irão receber a antecipação da primeira parcela do abono anual, conhecido como 13º salário. De acordo com o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), mais de 2 milhões de pessoas na Bahia, poderão sacar parte do benefício.

O valor a ser liberado só será divulgado dia 14 de agosto, que deve ser próximo a R$ 1,2 bilhões, semelhante ao valor do ano passado. O depósito da gratificação será realizado na folha mensal de pagamentos do INSS, conforme a Tabela de Pagamentos de Benefícios 2018.

Terão direito à primeira parcela do abono anual 30 milhões de benefícios em todo o Brasil. Estima-se que a antecipação irá injetar na economia aproximadamente R$ 20,6 bilhões, nos meses de agosto e setembro. A primeira parcela corresponde a 50% do valor do 13º.

Segundo o governo federal, não haverá desconto de Imposto de Renda (IR) nessa primeira metade do abono. De acordo com a legislação, o IR sobre o 13º somente será cobrado em novembro e dezembro, quando for paga a segunda parcela.

Aposentados e pensionistas, em sua maioria, receberão 50% do valor do benefício. A exceção é para quem passou a receber o benefício depois de janeiro de 2018. Nesse caso, o valor será calculado proporcionalmente.

Por lei, tem direito ao 13º quem, durante o ano, recebeu benefício previdenciário de aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente, auxílio-reclusão ou salário-maternidade. No caso de auxílio-doença e salário-maternidade, o valor do abono anual será proporcional ao período recebido.

Aqueles que recebem benefícios assistenciais (Benefício de Prestação Continuada da Lei Orgânica da Assistência Social – BPC/LOAS e Renda Mensal Vitalícia – RMV) não têm direito ao abono anual.

Em 2017, na Bahia, havia 2.017.717 pessoas de 60 anos ou mais de idade, segundo informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Elas representam 13,2% da população do estado, mas o IBGE observa que nem todo idoso é aposentado. //Tribuna da Bahia



Deixe seu Comentário