10 de janeiro de 2018 às 18:35

Aumento no preço dos combustíveis a partir desta quinta, 11, preocupa consumidores

O aumento no preço reduz cada vez mais a quantidade de combustível no tanque dos veículos

A Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com aumento de 1,40% no preço da gasolina nas refinarias e alta de 1 00% no do diesel. Os novos valores valem a partir desta quinta-feira, dia 11.

A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores.

Em vez de esperar um mês para ajustar seus preços, a Petrobras agora avalia todas as condições do mercado para se adaptar, o que pode acontecer diariamente.

Além da concorrência, na decisão de revisão de preços, pesam as informações sobre o câmbio e as cotações internacionais.

Consumidores

Para os consumidores, o novo reajuste significa um tombo no orçamento nesse início de ano. Para o consumidor João Aminadabe, o governo precisa adotar uma medida para conter os sucessivos aumentos, pois o consumidor é sempre o mais afetado. “Se houve corrupção, caixa 2, desvio de recursos e outras coisas na Petrobras, nós não somos culpados, portanto não é justo que a gente continue pagando a conta”, disse.

Outra insatisfeita com a situação é Maria Auxiliadora Dias. Segundo ela, o carro está sendo usado apenas nos momentos de necessidade, porque o preço do combustível tomou uma proporção alarmante. “Fiz planos de viajar de carro agora nas férias, mas vi que não dava, por isso eu e meu esposo decidimos aguardar. Qualquer viagem é um absurdo de combustível, somos obrigados a usar o carro o mínimo possível”, afirmou.



Deixe seu Comentário