POLITICA

Memória do radialista Miguel Côrtes Filho será homenageada com nome de praça

Miguel Silva Côrtes Filho foi um agitador cultural, locutor comercial e radialista

O tempo passa e o legado deixado por Miguel Silva Cortês Filhos permanece na memória de muita gente. Nesta quarta-feira (26), na Sessão Itinerante de Batuque, o vereador Luciano Gomes Lisboa, do Partido Liberal, apresentou um Projeto de Lei que “Denomina de Praça Radialista Miguel Silva Côrtes Filho, uma área institucional localizada no prolongamento da Rua Oscar Freire”.

Miguel Silva Côrtes Filho foi um agitador cultural, locutor comercial e radialista. Nascido em Vitória da Conquista no dia 05 de outubro de 1967, passou toda a sua vida na Rua União Operária, Bairro Centro, mostrando, desde criança, seu dom para a comunicação de rádio. Interagindo com os fãs e entusiastas do Rock com o famoso bordão “E aí baby, vai encarar?”, Côrtes ficou bastante conhecido por movimentos defensores da cultura na Capital do Sudoeste Baiano.

Chegou a participar de uma edição do “Rock in Rio”, no Rio de Janeiro, onde roubou a cena numa entrevista surpresa feita pela jornalista da Globo, Glória Maria. Sempre generoso com as pessoas, Miguel Côrtes também foi um amante do esporte e da causa social. Na Associação de Moradores do Iracema exerceu o cargo de diretor social. Defensor da Cultura Alternativa, Miguel foi um dos nomes mais influentes e queridos da Cena Cultural Conquistense.

Como apresentador do programa “Som da Tribo”, na Rádio Clube de Conquista, Côrtes deu oportunidade para muitos artistas divulgarem seu trabalho, bem como produtores de eventos e entusiastas culturais. Miguel Côrtes, que trabalhou no Spaço Xis Magazine, morreu em julho de 2012, aos 45 anos, vítima de aneurisma cerebral, deixando um vazio na Cultura Conquistense.